quinta-feira

Desnível

5 comentários:

redjan disse...

Teresa .... que palavras em escada, amando a imagem, fazendo jus a ela e ao que ela nos permite pensar!
Thanks

ps: tens imagens mil em bocadosdetudo.blogspot.com
Usa-as como e quando quiseres!

feiticeira disse...

Lindo o que faz com as palavras...

Sonhadora disse...

Minha querida
Dorido e sofrido poema.

Com cortes perfeitos, separamos o que se unia
sem sabermos que se pode cortar sem querer...
cortamos a melancolia
do nosso estremecido viver

Como eu entendo estas palavras.

beijinhos
Sonhadora

alfa disse...

Parabéns aos dois, à autora de um texto sublime,super bonito a propósito de uma foto do J. que "não conheço de lugar nenhum" ::-)))) beijos para os dois.

Bípede Falante disse...

Teresa, sua escrita está ficando cada vez mais densa e refinada.
Tão bonito texto.
bj.