segunda-feira

E ter paciência para que a vida faça o resto...



Aprendi que não posso exigir o amor de ninguém...
Posso apenas dar boas razões para que gostem de mim...
E ter paciência para que a vida faça o resto...

William Shakespeare


............................................................................................

eu
sms:

O que é isto de gostar:) ?
gostar é querer estar ao pé... é querer falar das nossas coisas e ouvir... é dar apoio e receber... é falar e calar sempre que o outro precisa... é perceber quando o outro precisa... é ouvir. è querer ter tudo para partilhar o máximo... é dar carinho... é dar um beijo sempre que nos apetece. É sentir que se pode estar calado ao pé de quem se ama. É dar a mão nas alturas mais difíceis... é respeitar o gosto, o espaço e a liberdade do outro... é não abandonar por egoísmo. É pedir ajuda... é sentir que tudo o resto pode desaparecer e saber que não ficamos sozinhos... é confiar sem qualquer condição... é adivinhar sem querer o que o outro está a pensar...a sentir. É ceder... é não ter medo de se ser... é cuidar. è dar e não cobrar nada troca :) é ter a certeza que o outro retribui tudo o que puder mesmo sem pensar que que o faz :).. é não ter distancias ... nem limites...

eu
sms:

:) n~em sei se sou só eu que penso assim... mas é assim que sonho :) nem sei se isto é possível...nem sei se é possível que alguém goste assim de mim ... eu sei o que é gostar assim... e sei que é raro. E fico triste quando se desperdiça o amor.. é para amar que pensamos :)
Espero que hoje te sintas melhor:) ... que nada grave tenha acontecido a ninguém. Não precisas responder às minhas perguntas se não o quiseres fazer. Não tens que o fazer. Sabes... foste tu quem amei assim... és tu quem eu sei amar. Um beijo, até sempre.
E por favor tenta viver o melhor possível... Não vivas longe de quem gostas e de quem gosta de ti
assim na mesma medida :) Porque vale a pena...se um dia conseguires gostar assim de alguém e que esse alguém goste assim de ti, sem quem for... :) Não percas essa oportunidade de viver. Promete-me. Beijo.

eu
sms:

Quanto a mim... podes chamar-me exagerada, desequilibrada, doida , chata, melga ...idiota...ou tudo e mais alguma coisa que eu possa parecer... sabes... Acho que nasci na época errada - por dentro de mim ainda se ama sem qualquer condição :) e ainda se pode morrer de amor...:( Dentro de mim é assim :) Fico feliz por sentir este amor assim... paradoxal! mas o amor não é para quem não sabe! Porque quem não o sabe, despreza-o.
Podes contar comigo para o que precisares, e nunca te sintas obrigado a nada comigo :) se não te sentes bem ao falar comigo , se não me sentes a falta... então é seguramente porque não me amas assim :( :) Não te preocupes com isso ninguém é obrigado a amar ninguém, e ninguém tem culpa de ser amado....

SEM RESPOSTA....

A MAIOR CRUELDADE É DEIXARES QUE ALGUÉM SE APAIXONE POR TI ...SEM TERES A INTENÇÃO DE FAZER O MESMO

10 comentários:

João Pinto Costa disse...

A velha questão de cuidar do jardim para que as borboletas lá vão ter,visita o meu blog onde coloco os mails que crio e envio para meio mundo mais as respectivas respostas:

http://maildeumlouco.blogspot.com/

Acho que vais gostar.
Espero que te divirtas a ler.

Tatiana disse...

Olá!
Obrigada Tereza por sua visita e palavras!
Realmente é uma crueldade deixar que alguém se apaixone... sem que a vontade seja corresponder.
Gostei muito daqui.
Um beijo carinhoso

Graça Pereira disse...

O amor (como tu sentes) não tem idade,nem épocas! O que vês por aí, são caricaturas do Amor. O amor verdadeiro, dói,faz chorar, mas também nos alimenta. Ninguém ama "por favor" e ninguém aceita amor por esmola mas ,está provado que, num par, há sempre um que ama mais que o outro. Ás vezes, é preciso esperar ou saber esperar o momento. O anor também é paciência. Beijocas, minha querida , Graça

♥MáH♥ disse...

Lindo... com o começo perfeito...
não dá mesmo pra exigir amor, nem pra medir o amor alheio.. o que pode não parecer suficiente pra mim, pode ser tudo que o outro consegue oferecer!

Maria, Simplesmente disse...

As maiores verdades sobre o amor estão aqui nesta tua postagem Teresa.
Para mim o amor resume-se nisto: um sentimento livre que não tem tempo nem distância, dando toda a liberdade, sem imposições do que quer que seja. Até porque, se não for livre... morre.
Bom fim de semana.
Obrigada a tua passagem pelo meu lugar,
Abraço
Maria

O Profeta disse...

As cordas de uma viola vibraram
Beijaram os dedos ao tocador
Uma nota fugiu ao encontro da saudade
No refrão a canção tinha a palavra amor

Nunca ouviste a palavra amor
Nunca te encontrou a nota de uma violoncelo
Nunca se rasgou o teu deserto de silêncios
Nunca um som te fez sentir o quanto é belo

Bom fim de semana

Doce beijo

HSLO disse...

Gostei muito do seu blog...viu, por isso já sou um seguidor. Quero voltar aqui outras vezes.


abraços


Hugo

Teté disse...

Olá, Teresa!

Pois, para mim amar é tudo isso, sem a parte de morrer de amor... (acontece, mas em idades avançadas, quando as pessoas se cansam de viver, ao perderem o companheiro/a de uma vida inteira, acabando por esquecer os remédios que devem tomar, etc. e tal)

Bom, já uma vez tinha passado pelo teu perfil, a dificuldade é encontrar o blog que está mais actualizado. Li uma história muito gira (real life, né?) - César - mas no final não consegui comentar.

E depois fiquei aqui embasbacada a ver os filmes da tua vida, em grande parte coincidente com os da minha, tirando uma ou outra excepção. E depois reparei que tens outro sobre os livros e parei! Para comentar! Vou ver esse já de seguida!

Beijocas!

Miss Complicações disse...

Passei por aqui. Andei a vaguear pelas palavras. Gostei. Se não te importas, levo algumas comigo. Se um dia as oferecer a alguem diei de onde foram retiradas,

Beijinhos


PS. Vou levar as palavras de Sheakspears

continuando assim... disse...

Complicações!!

leva tudo o que quiseres :)

beijinho