quarta-feira

Agora pilotavas tu!



Sonhei que…
Voava assim sem medo de cair por ali abaixo, e que agora pilotavas tu ...
Eu olhava lá de cima, abraçada a ti,  adivinhando todos os caminhos via tudo pequenino tal como é bonito e tem graça .
Ao teu lado, segurava-me sem medo de voar...tal como nunca tive. 
Por cima dum sítio qualquer, tão distante.
Onde poderia ser mais fácil viver para voar.
Voava assim sem medo... ao teu lado, segura em ti.
Voava e já não sentia os intermináveis dias passados, passarem agora por nós tão rápidos como uma ventania inesperada.
E o tempo, que deixava tudo lá atrás.
Voávamos para longe daqui, voávamos juntos de esperanças e sonhos…
Os dias sem ti já não existiam. Apagava-os de mim, sacudia-os de nós.
Voando assim, olhando para um lugar qualquer, onde tudo poderia ser igual ao que um dia já foi.
Lá de cima tudo parece pequeno, lá em cima já não tinha medo...
Voava por aí, lembrando que já tinha esquecido todos os meus dias vividos por mim…dias apáticos sem ti.
Desejando que tu nunca mais lembrasses os momentos que pensavas em não querer voltar.
E eu, não querendo ficar mais por lá, no sítio que para sempre deixei.
Lá, ficava pensando que se não voltasses nada mais haveria, nada mais que um deserto sem Ilhas, sem água,sem terra que me segurasse.
Um deserto, onde cada noite, chegava uma sábia e ofuscante estrela para me acompanhar e me sussurrar que um dia voltarias para me fazer voar contigo por aí...
E que... nessa altura, pilotavas tu...
Agora pilotavas tu!
E assim voando, por cima de ilhéus, de mares, de rios, de montanhas, de cidades desconcertantes, furando o céu....passávamos pontes!  
Sinto que voltas , nem que seja só com palavras que já me fazem voar por aí.
Palavras tuas, que me transportavam num céu imaginado por mim e agora recriado por ti.
Daqui de cima é tudo tão pequeno, fácil e com graça... Esperava só um sinal para abrir as asas que me pesavam de tão fechadas.
 …esperava um sinal para voar ao teu lado...
…agora pilotavas tu....
E agarrada ao banco em que me sentava, afastava o medo e rodopiava no teu já seguro voar.  
Sonhei que …Agora pilotavas tu!
 Teresa Maria Queiroz / mais uma foto fantástica de António Lobo, obrigada António por as partilhares comigo



14 comentários:

opinião própria disse...

Por vezes melhor que pilotar é ser pilotado... Boas festas.

Kimbanda disse...

Muito bom quando nos conseguimos dar com essa segurança a um voo em que não somos nós a controlar o percurso, mas ao qual nos entregamos de todo. Abrir as asas como se pretende que a mente aberta seja. O fluir de novas sensações,e os doces sentimentos já anteriormente vividos e partir numa aventura sem fronteiras em que o coração é que dita e sentir, que assim e apaixonadamente, vale a pena viver!

Foi muito bom passar por aqui, fica também o meu desejo de que a vontade de partilhar o que tão bem consegue através da escrita, seja um dom que a acompanhe por muitos e felizes tempos. Bom ano de 2010

mfc disse...

Era tão bom voar assim e não acordar do sonho lindo...!

Fa menor disse...

Um alegre Ano Novo de 2010, cheio de suaves voos, à medida dos teus desejos!

Obrigada pela visita!

Bjins

Ana M. disse...

ontem não consegui comentar o que se passou?

S* disse...

Voar para longe com quem amamos...

Rejane disse...

Espirituosa e inteligente Tereza, um ano novo de muita paz para você e que vc sem despenteie de tanto amar e ser amada (rsrs).Um xero

continuando assim... disse...

Opinião própria > um bom ano para ti!! e sim tens raz]ao [e t]ao bom ser pilotado !! beijo


Kimbanda > bem vindo!! obrigada pelas palavras. Um feliz ano de 2010 cheiode voos!!

mfc> o pior [e quando acordamos ... beijo bom ano

Ana M. > aqui passou;se que eu aindei a inventar no blog... e coloquei a[i um contador marado , j[a est[a tudo bem.. beijo e bom ano!!

Fa Menos > bom ano para ti ...cheio de surpresas boas ! beijo

S > esse [e sempre o sonho de quem ama ...voar para longe com quem amamos ...beijo e bom ano!!

Rejane> obrigada pelos coment[arios ... bom ano !! despenteado

Disse disse...

Um novo ano de 2010 cheio de grandes e belos voos, ora deixando que outros pilotem, ora tomando nós nas nossas mãos o comando da viagem.

Saltos Altos Vermelhos disse...

bem com esta chuva, não me apetecia muito voar :D Bom anoooooo 2010

Mika disse...

"Learning to fly" poderia ter sido outro tema para o video...
Voar... o acto que se experimenta em sonhos. E que depois queremos que aconteça.
Que 2010 nos traga o voo desejado.
Abraço

Miguel

continuando assim... disse...

tens razão Miguel ... mas esse tem dos Pink Floyd já o usei demasiadas vezes :) :( estive tentada a colocar esse video ...depois desisti ... coisas minhas ;)

obrigada pelas palavras e um bom ano!! beijo

continuando assim... disse...

Disse : mais uma vez bom ano, vou contactar-te por mail ..beijo

saltos altos vermelhos : com chuva com sol a trovejar a nevar asim vale a pena nem que seja em sonhos

Luz disse...

Teresa,
Tão bom que é quando podemos voar assim, quando temos alguém que voa connosco sem nos largar e que sempre nos podemos agarrar.
Mas e quando nos tiram essas asas e deixam de voar...
Como tenho já saudades daquele voo que tanto me inundou a alma de mais vida.

Bjo de Luz